O EQUILIBRISTA

O equilibrista sabe que o meio é o fim de tudo.

Nada importa a não ser o centro, o ponto de equilíbrio.

Tantas vezes nos achamos no meio de alguma coisa, cercados de dúvidas e questões, que nos perdemos mais ainda sem conseguir decidir ou fazer nada.

Meio assim, meio assado, ficamos no meio do caminho e nos paralisamos.

A resposta, a saída, a intenção certa deverá sempre achar o centro, o ponto onde tudo fica em volta nos rodeando e nos chamando a atenção.

Se você conseguir chegar lá, vai se sentir mais seguro e firme, uma questão de instinto e sobrevivência.

Como o equilibrista que às vezes balança mas volta ao ponto centro e segue em frente.
Sempre que se perder, volte ao centro de tudo, e comece de novo.

@robertotostes

Postagens mais visitadas